fbpx
Você está visualizando atualmente Como melhorar a segurança de dados da sua empresa?
  • Tempo de leitura:17 minutos de leitura

Como melhorar a segurança de dados da sua empresa?

Segurança de dados é a proteção de informações contra acesso não autorizado, perda ou corrupção, utilizando técnicas como criptografia, controle de acesso e políticas de segurança. Funciona implementando camadas de defesa e monitoramento contínuo para detectar e responder a ameaças.

Como está a segurança de dados do seu negócio? Entender como as informações estão sendo armazenadas, coletadas, analisadas e compartilhadas é necessário para proteger os dados da sua empresa, dos colaboradores e clientes.

As medidas elaboradas para proteger as informações contra acessos não permitidos e possíveis ameaças virtuais pode não somente evitar riscos e prejuízos, mas também prolongar o funcionamento seguro da sua organização.

Neste conteúdo, você vai conferir como implementar boas práticas de segurança para aumentar a privacidade de dados da sua empresa e detectar possíveis problemas com antecedência. 

Colaborador em pé usando um tablet na frente de um notebook aberto em uma página de acesso e ao lado de um escudo com um ícone de check e uma nuvem.

O que é segurança de dados

Segurança de dados é um conjunto de práticas e tecnologias que servem principalmente para proteger informações digitais contra acessos não autorizados, corrupção ou roubo. Envolve a implementação de medidas como criptografia, controle de acesso e firewalls para garantir que dados sensíveis sejam acessíveis apenas a pessoas ou sistemas autorizados. 

A segurança de dados envolve a proteção de informações durante a transmissão, a coleta e o armazenamento, o que garante que os dados estejam seguros em todas as etapas de seu ciclo de vida.

Além das tecnologias, a segurança de dados também inclui políticas e procedimentos para gestão de riscos, resposta a incidentes e conformidade com regulamentações de privacidade. Desde que a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais) entrou em vigor, no final de 2020, a proteção das informações se tornou ainda mais importante.

Essas políticas definem como os dados devem ser manuseados, quem tem permissão para acessá-los e o que fazer em caso de violação. Então é importante analisar formas de aumentar a segurança e investir em ferramentas que mantenham a integridade dos dados de forma mais prática.

Leia mais: 7 estratégias para gerenciar documentos com eficiência

Gerente usando o notebook para pagar uma multa recebida por ter falhado na<br />
segurança de dados.

Importância da segurança de dados

A segurança de dados é fundamental para proteger as informações sensíveis de uma empresa contra ameaças internas e externas. Em um no qual a quantidade de dados gerados e armazenados cresce de forma exponencial, a proteção desses dados se torna crucial para manter a integridade e a confidencialidade das informações. 

A falha em proteger os dados pode resultar em diversos prejuízos para a sua organização, entre elas:

  • Perdas financeiras significativas;
  • Danos à reputação da empresa;
  • Perda de confiança por parte de clientes e parceiros;
  • Multas pesadas e sanções legais.

Além das consequências legais e financeiras, a segurança de dados também é vital para garantir a continuidade sustentável dos negócios. Um incidente de segurança pode interromper operações, causar perda de dados críticos e resultar em longos períodos de inatividade. 

Implementar medidas de segurança robustas ajuda a reduzir esses riscos e a garantir que a empresa possa operar sem interrupções.

Um colaborador usando o computador, uma tela de computador aberto em uma tela de acesso, um escudo com um cadeado dentro e uma pasta de arquivos com uma chave e um ícone de check.

Tipos de segurança de dados

A proteção de dados e a gestão de riscos podem se dividir em diversos tipos para garantir que as informações de uma empresa permaneçam protegidas ao longo dos processos.

Confira os principais tipos a seguir!

Disaster Recovery

O disaster recovery é um conjunto de políticas e procedimentos para restaurar sistemas e dados após um desastre, seja natural, por falha humana ou por roubos e ameaças virtuais. Ele inclui a criação de backups regulares e a definição de um plano de recuperação que priorize a restauração de operações críticas. 

Firewall

Um firewall é uma barreira de segurança que monitora e controla o tráfego de rede entre diferentes segmentos, e serve para bloquear ou permitir o tráfego baseado em regras predefinidas, o que protege a rede contra intrusões e malwares. 

Criptografia

A criptografia é a técnica de codificar dados para que só possam ser acessados por pessoas ou sistemas autorizados com a chave de decriptação correta. Ela é fundamental para proteger informações sensíveis e garantir que os dados não possam ser interceptados ou lidos por indivíduos sem a devida permissão.

Backup de Dados

O backup de dados envolve a criação de cópias de segurança das informações críticas para garantir sua recuperação em caso de perda, ameaça ou corrupção. Esses backups devem ser realizados regularmente e armazenados em locais seguros, de preferência em múltiplos locais. 

Controle de Acessos

O controle de acessos define quem pode acessar quais dados e sistemas dentro da organização, e isso inclui a implementação de autenticação multifator, gestão de permissões e monitoramento contínuo dos acessos.

Resiliência de Dados

A resiliência de dados refere-se à capacidade de uma organização de continuar operando e protegendo suas informações mesmo diante de falhas ou ataques. A resiliência de dados assegura que a empresa possa rapidamente se recuperar de incidentes, com o objetivo de manter a disponibilidade e a integridade das informações.

Apagamento de Dados

O apagamento de dados é o processo de remover permanentemente informações dos sistemas de armazenamento para garantir que não possam ser recuperadas. Isso é essencial para a proteção de dados sensíveis quando os dispositivos são descartados ou reutilizados. 

Leia também: O que é gestão de equipes remotas e como fazer

Uma colaboradora realizando backup de arquivos para garantir a segurança de dados da empresa.

Como garantir a segurança de dados na sua empresa

Para garantir a segurança dos dados na sua empresa, é crucial adotar uma abordagem multifacetada que inclui políticas, tecnologias, boas práticas de proteção de informações e treinamento contínuo com a sua equipe.

Confira as melhores estratégias para prevenir vazamento, perda ou roubo de informações no seu negócio:

  • Utilize criptografia forte para proteger dados em trânsito e em repouso;
  • Implemente políticas de controle de acesso baseadas em funções e projetos;
  • Configure sistemas de detecção e prevenção de intrusões para monitorar e filtrar o tráfego de rede;
  • Realize backups regulares e armazene-os em locais seguros;
  • Mantenha todos os sistemas e softwares atualizados;
  • Ofereça treinamentos para os funcionários sobre práticas seguras de manuseio de dados;
  • Utilize ferramentas de monitoramento para detectar atividades suspeitas e responder rapidamente a incidentes;
  • Estabeleça e mantenha políticas de segurança claras e abrangentes;
  • Adote boas práticas para a criação e manutenção de senhas seguras;
  • Utilize métodos seguros para apagar permanentemente dados que não são mais necessários.

É preciso implementar um conjunto de estratégias para proteger sua organização, mas investir em tecnologia é uma das formas mais práticas e eficazes para manter todas as informações em um só lugar e, ainda, aumentar a segurança de dados da sua empresa. 

Veja como a automação inteligente tem transformado negócios e processos ao redor do mundo.

Call to action do e-book Automação Inteligente: Como Tecnologias de Automação Estão Transformando Negócios e Processos

Assine nossa newsletter para receber mais dicas diretamente no e-mail!

Deixe um comentário